quarta-feira, 13 de junho de 2018

Jubileu de ouro do bairro-cidade de Campo Grande



Foto: Carlos Eduardo de Souza



  • Campo Grande, bairro da Zona Oeste do Rio de Janeiro, destaca-se pela sua grande extensão, por sua influência na região e por ser o mais populoso do município. Porém, no mês de junho de 2018, o bairro completa um jubileu de ouro de um fato muito importante e curioso: o título de bairro-cidade. Segundo a Lei n° 1627, de 14 de junho de 1968, sendo um projeto do deputado Frederico Trotta, sob a gestão do então governador da Guanabara, Negrão de Lima, dizia-se no Art. 1° - “É reconhecida como “Cidade” a localidade de Campo Grande, passando a denominar-se Cidade de Campo Grande”.   Assim, há 50 anos, o bairro de Campo Grande, ou a localidade, era reconhecido como “Cidade honorária”.
  •  Devido a isso e a outros fatos, surgiram alguns movimentos em prol da emancipação, com, a princípio, o propósito de combater os problemas e realizar uma melhor administração. Mas, mesmo possuindo um título de bairro-cidade, ou de cidade honorária, Campo Grande continua sendo oficialmente um bairro, com uma estrutura de uma cidade, é verdade, influenciando bairros próximos e atraindo população desses e até de municípios, principalmente por ser, entre outros atributos, um polo comercial da região.
  • Afinal, Campo Grande pode ser considerado um sub centro regional, com um suporte que supera muitas cidades, já que não é qualquer bairro que possui três shoppings e uma população de aproximadamente 350 mil habitantes. É realmente um bairro-cidade.